Compreenda a importância da política de Recursos Humanos na empresa

A política de Recursos Humanos ideal é buscada pelas empresas que almejam mais qualidade, conhecimento, capacitação e satisfação no ambiente de trabalho, que, ao contrário do que alguns pensam, não está atrelada somente à renda, mas sim, e principalmente, ao crescimento pessoal dos colaboradores, visando uma maior produtividade e o aumento da competitividade da organização no mercado.

Como funciona a política de recursos humanos?

Cada empresa estabelece a sua política, de acordo com a sua cultura organizacional. Podemos mencionar algumas políticas que trazem bons resultados e ajudam a direcionar os colaboradores para as metas estipuladas da empresa.

Entre as políticas aplicadas, estão:

  • Valorização do capital humano, para transformar o ambiente de trabalho em um local agradável, saudável e seguro, gerando motivação e favorecendo o desempenho para o cumprimento de resultados e metas.
  • Treinamentos, para a formação de pessoas e profissionais mais eficientes e eficazes;
  • Benefícios educacionais, como descontos em cursos de graduação e pós-graduação;
  • Promoção de cargos, valorizando a competência e o potencial de cada indivíduo;
  • Promover ações para qualidade de vida, medicina do trabalho, bem-estar, inclusive, com apoio psicológico, nutricional e fisioterapêutico.
  • Fornecer feedbacks, para alinhar os objetivos e promover o crescimento pessoal e o autoconhecimento;
  • Salário condizente com o mercado e com as expectativas do trabalhador;
  • Bonificação por performance, para incentivar o cumprimento de metas;
  • Incentivar a gestão participativa, valorizando a voz de todos;
  • Assistência Médica;
  • Estabelecer entrevistas no desligamento de cada funcionário, para verificar possíveis erros na gestão de recursos humanos.

Qualidade das Pessoas

É preciso ter em mente de que a qualidade dos produtos e serviços só é possível se pudermos contar com a qualidade das pessoas e dos grupos que fazem os produtos ou prestam os serviços. É uma soma de esforços, que justifica a relevância de se investir no capital humano, o responsável por manter a empresa competitiva no mercado.

17-11-16-aumentar-produtividade-imgEmoções humanas no ambiente de trabalho

Podemos controlar os nossos atos, mas não as nossas emoções. Quando elas não estão bem, desempenham papel negativo na empresa, gerando o estresse, descontentamento, baixo rendimento e falta de motivação, o que também aumenta os custos de assistência e a rotatividade.

Por isso, é muito importante que as empresas se conscientizem do papel das emoções para o bem-estar e a produtividade do funcionário, para que, além de produtividade, o trabalho tenha mais qualidade e menos retrabalho.

Na Política de Recursos Humanos, as necessidades individuais e empresariais devem estar alinhadas, de modo que se gere motivação e os empregados se sintam úteis, seguros e importantes para a organização, além de oferecer a eles mais autonomia e reconhecimento por suas atribuições.

Política de Recursos Humanos: a ideia inteligente para atrair e manter talentos.